Investimento da Braspell Bioenergia em Juiz de Fora será de R$ 3 bilhões


Em um dos maiores investimentos privados anunciados na história de Juiz de Fora, em Minas Gerais, a Braspell Bioenergia assinou, em dezembro de 2021, protocolo de intenções para a instalação de um centro logístico e uma fábrica de pellets no município. O investimento estimado chega a R$ 3 bilhões, a serem realizados no período de dez anos, com a geração de quase 4 mil empregos, entre diretos, indiretos, permanentes e temporários.

Criada para contribuir com o esforço mundial de substituir fontes fósseis de combustíveis pelas de base florestal, a Braspell produz pellets de madeira para atender a grande demanda mundial, em termelétricas movidas a carvão mineral. Em uma primeira fase de implantação, Juiz de Fora contará com um centro logístico, destinado a viabilizar embarques ferroviários de toras de eucaliptos para serem transformadas em cavacos de madeira, em unidade industrial localizada no Porto de Itaguaí (RJ). A capacidade inicial de processamento anual esperada é de 250 mil toneladas.

Na segunda fase, a cidade receberá uma unidade de fabricação de pellets, com capacidade projetada de processamento anual de 600 mil toneladas, e potencial para alcançar até 1,8 milhão de toneladas.

O CEO da Braspell, Luiz Guilherme Batalha, falou sobre a escolha de Juiz de Fora para o investimento. “Uma das razões principais da escolha é que existe muita oferta de madeira. Existem muitos plantios, o relevo da região e o fato de você não ter, por exemplo, a competição da soja, como em outras regiões do Brasil, onde a agricultura compete demais com a florestas e acaba inviabilizando a formação de uma floresta com valor. Então, essa característica de valor, o clima, o relevo, e a logística foram determinantes para a decisão”, afirmou. Foto: Divulgação/Prefeitura de Juiz de Fora

226 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo